Consciência para Biblioteca Floresta

“Consciência”.

lanterna

Um jogo com as páginas do livro de Stefan Zweig, “Uma consciência contra a violência”, a biografia de João Calvino. O livro propunha na leitura página a página, uma narrativa completa sobre a vida de um homem. O livro foi descosturado. O jogo: em sessões de 2 horas, ler uma página, tornar a página um ser único e nunca perder nada delas. Ações possíveis: dobrar, amassar, cortar, colar com fita durex, imprimir sobre as páginas. Cada página agora um ser autônomo, o livro originou 60 objetos. Alguns habitam as paredes, outros o solo e ainda alguns estão preservados nas vitrines.

No MARP habitaram, inquietos e atentos uma mesa.